Como instalar fita de LED

Neste conteúdo, veremos o passo a passo de como instalar fita de LED, um elemento muito charmoso e versátil que você pode incluir no seu projeto de iluminação, tanto em projetos residenciais como também os comerciais

É o exemplo de vários bares e restaurantes que usam a fita de LED para criar um clima ainda mais aconchegante e moderno na decoração.

De forma criativa, é possível instalar as fitas de LED em ambientes externos e internos de uma obra, com o uso de cores quentes, frias e até mesmo fitas LED coloridas. 

Essa variedade de opções abre um leque enorme de combinações de decoração para quem deseja ter um projeto arquitetônico moderno e que valoriza os ambientes através da iluminação.

Se você deseja saber mais sobre as vantagens de usar esse tipo de iluminação e como instalar fita de LED em seu projeto, continue a leitura!

Leia também: Reformas de cozinhas pequenas: 7 dicas simples mas essenciais

O que é uma fita de LED?

Antes de entender o que é a fita de LED, é importante entender o que é o LED. 

A sigla vem dos termos em inglês Light Emitting Diode, que significa diodo emissor de luz, em tradução, sendo o LED um componente eletrônico que é capaz de converter energia elétrica em luz.

Em relação a outras tecnologias, o LED se destaca por ser uma opção muito mais econômica e ecológica. 

Por isso, o uso de iluminação de LED está cada vez mais popular nos projetos arquitetônicos.

Existem várias opções de dispositivos de LED, sendo a fita uma delas.

A fita de LED, no caso, é formada por uma placa eletrônica flexível, no qual são colocados diversos pontos de LED interligados de forma linear. 

De certa forma, as fitas de LED funcionam de forma semelhante ao formato de luzes pisca-pisca, mas as vantagens são infinitamente maiores, já iluminam e decoram ao mesmo tempo, de forma econômica e sustentável.

Esse tipo de dispositivo de iluminação funciona em baixa tensão, normalmente de 12V a 24V.

Uma das características mais vantajosas das fitas de LED é que podem ser encontradas em diversos comprimentos e larguras, o que amplia as possibilidades de instalação.

O padrão de tamanho mais comum são as fitas de LED com comprimento de 5 metros, o que permite um trabalho de instalação também em grandes espaços, sem necessidade de “remendos”.

A fita de LED também possui alguns pontos de cortes para que seja possível adequar o tamanho para a instalação em pequenos espaços, como em armários de cozinhas, banheiros e de quartos.

Benefícios da fita de LED

Além de ser um elemento que valoriza a decoração e iluminação dos ambientes, existem várias outras vantagens em buscar como instalar fita de LED em outras opções. Veja os principais benefícios antes de fazer sua escolha:

Opção ecológica

A fita de LED é uma opção de iluminação com ótima durabilidade. Em média, uma fita de qualidade pode ter duração de 5 a 10 anos, oferecendo um excelente custo-benefício.

E por consequência desse tempo de vida útil prolongado, essa opção acaba sendo também bastante sustentável.

Mas o fator de sustentabilidade não acaba por aí. Por não serem produzidas com chumbo ou mercúrio, as fitas de LED também se tornam mais ecológicas.

Além de ser um material reutilizável, pode ser descartado em lixo comum.

Mais economia

Outra característica que torna a opção de instalar fita de LED uma boa opção é que esse tipo de iluminação é mais econômica.

Um dos benefícios mais conhecidos da iluminação de LED é o baixo consumo de energia elétrica, tornando o produto bom para o bolso e, consequentemente, uma opção mais ecológica também.

Variedade de cores e intensidade da iluminação

Uma vantagem em saber como instalar fita de LED é saber que existem várias opções de cores. Além das fitas de LED em luz branca e amarela, é possível optar pelas opções do tipo RGB.

Esse tipo de iluminação contém três cores aditivas, o vermelho, o verde e o azul. Combinadas, elas podem formar uma infinidade de outras cores, que é possível controlar a intensidade através de um controle remoto que costumam vir junto a esse modelo.

Modernidade e elegância para os ambientes

Modernidade e elegência ao instalar fita de LED

Quando se trata de sofisticação e elegância na decoração, a iluminação sem dúvidas é um diferencial.

Nesse quesito, a fita de LED também se destaca, pois é capaz de transformar os ambientes proporcionando uma iluminação indireta, seja no uso da fita em sancas de gesso ou em outras estruturas.

Combina com diversas propostas de decoração 

É bastante comum a associação do uso de fita de LED em projetos mais modernos ou com proposta de decoração clean

Mas se for bem utilizada, a fita de LED é capaz de combinar com decorações dos mais variados estilos, seja rústico, industrial, romântico etc;

Esse benefício se dá pelo fato de ser um elemento que não entra em conflito com a decoração. O uso da iluminação de LED ajuda a realçar alguns pontos de destaque da arquitetura da casa.

Não emite raios UV e nem aquece

Outro benefício do uso de fitas de LED é que esse tipo de iluminação não produz raios ultravioletas e nem infravermelhos.

Dessa forma, não há danos à saúde dos moradores e nem qualquer prejuízo a outros materiais ou objetos, como móveis, quadros e até mesmo plantas.

Por consequência de não emitir raios infravermelhos, a fita de LED também tem como vantagem o fato de não gerar calor.

Pode ser instalada em diversos ambientes

Além do uso da fita de LED em sancas de gesso em salas e quartos, é possível fazer o uso desse tipo de elemento em escadas, móveis, espelhos, nichos, corredores, quadros, armários de cozinha, guarda-roupas e também em locais comerciais, como bares e restaurantes.

Como instalar fita de LED: passo a passo

Na prática, veremos que o passo a passo de como instalar fita de LED é muito mais simples e descomplicado do que outros tipos de instalação elétrica, que exigem mão-de-obra especializada.

Contudo, se você achar que precisa de um profissional experiente nesse tipo de instalação, vale a pena o investimento para ter um acabamento perfeito e garantia de qualidade no serviço.

Dependendo do tipo de instalação, pode ser necessário um conhecimento técnico maior, como no caso de instalação de fita de LED em sancas invertidas com desenhos mais elaborados.

Mas de modo geral, é possível fazer a instalação seguindo os passos abaixo.

Separe o material necessário

Antes de fazer a instalação é preciso saber o que é necessário para instalar fita de LED. Aqui, a lista de materiais pode variar de acordo com o tipo de fita de LED escolhida e o tipo de instalação.

De modo geral, você vai precisar apenas dos seguintes itens:

  • Rolo de fita de LED;
  • Tesoura (caso precise fazer cortes na fita);
  • Chave de fenda (em alguns casos);
  • Ferro de solda (caso seja necessário emendar duas fitas);
  • Fonte compatível com a configuração da fita de LED (12V a 24V);
  • Conector.

Defina o local de instalação da fita de LED

A fita de LED pode ser usada em escadas, paredes, sancas de gesso, em móveis, cabeceiras, armários e várias outras opções.

Por isso, o primeiro passo de como instalar fita de LED é ter o local definido. 

Com isso definido, basta medir o local e fazer os cortes, se for necessário. As fitas de LED já vêm com marcas de cortes, facilitando a personalização dos tamanhos das medidas.

Lembre-se de, antes de fazer cortes, verificar quais são as especificações do fabricante.

Faça a aplicação da fita LED

Faça a aplicação da fita de LED

Com o local definido e o tamanho exato da fita de LED, basta fazer a aplicação.   Muitos modelos de fitas já vêm com dupla-face. Nesses casos, basta tirar o adesivo e colocar a fita de LED onde se deseja instalar a iluminação.

Caso a fita de LED não seja autocolante, basta usar uma cola instantânea ou de contato.

Antes de colocar a fita de forma definitiva, verifique se a ponta com os conectores estão em uma posição que permita a ligação na tomada.

Em instalação de fita LED em sancas e no teto, o ideal é fazer a ligação junto da energia do cômodo, para ligar a fita LED pelo interruptor.

Confira também: Como instalar uma tomada com interruptor? Veja o passo a passo

Ligação elétrica

Algumas opções de fita LED já vem com plug e interruptor, mas também é possível comprar separadamente.

Nessa parte de ligação elétrica, basta colocar os fios da fita de LED no conector que ve m junto, prestando atenção à polaridade deles.

Basta encaixar e prender os parafusinhos com uma chave de fenda.

Depois, é necessário juntar o conector e o plug que vai na tomada para conseguir ligar a iluminação.

Em alguns modelos de fita LED, como os coloridos, também podem vir com um controle remoto.

A partir dele, é possível fazer a transição das cores, assim como ajustar a intensidade de iluminação.

Fita de LED X mangueira de LED: entenda as diferenças

Além das fitas de LED, é possível fazer uso das mangueiras de LED na iluminação de um projeto. A principal diferença entre os dois modelos está no formato.

A fita de LED é uma faixa estreita, o que permite a instalação em locais de espessura limitada, como entre vãos de móveis e cabeceiras de cama.

Já a mangueira de LED possui um formato cilíndrico, não sendo uma opção tão flexível quanto a fita de LED.

Em comparação ao consumo de energia, as fitas de LED acabam sendo mais econômicas, por isso o uso é mais comum.

A mangueira também tem como ponto importante a possibilidade de ressecamento, o que pode fazer com que a cor fique diferente da original com o passar do tempo.

Fita de LED: como escolher a melhor na hora de comprar?

Como escolher a melhor fita de LED?

Para não errar na escolha é importante conhecer os diferentes tipos de fitas de LED e o tipo de luz mais indicado de acordo com o ambiente. 

Como vimos, existem opções coloridas, como as fitas de LED RGB (vermelha, verde e azul), e as fitas de LED luz branca e amarela, que são as opções mais tradicionais, digamos assim.

A fita de LED branca, por exemplo, é a opção mais utilizada para ambientes como cozinhas, por proporcionar uma iluminação bastante eficiente no ambiente, além de agregar na decoração.

Nesse tipo de ambiente, a fita de LED pode ser usada tanto em sancas de gesso como sobre os móveis, em volta da pia, armários, balcões, criando uma iluminação ampla e difusa.

Também é possível usar as fitas de LED branca em volta de quadros e espelhos, criando um destaque ainda maior para esses elementos decorativos.

Já a fita de LED de luz amarela é uma ótima opção para salas e quartos, por ser uma opção de iluminação que não causa desconforto na visão, sendo uma excelente opção de iluminação indireta.

Além do uso em sancas, esse tipo de fita de LED pode ser instalado em cabeceiras de cama e até em degraus de escadas.

Por fim, se a ideia é criar um ambiente descontraído, moderno e criativo, as fitas de LED RGB, que são coloridas, são excelentes opções.

Algumas dicas de instalação para essas fitas de LED incluem piscinas, bares, salas de jogos, salão de festa e banheiros.

Além dessas características das cores, procure observar alguns pontos mais técnicos para garantir a compra de um produto de qualidade.

Procure por marcas confiáveis e com garantia sobre o produto, por exemplo, e atente-se ao ambiente em que a fita será instalada:

  • Ambiente interno com baixa umidade: fitas simples, sem necessidade de cobertura de proteção;
  • Ambiente interno com umidade e exposição a poeira: fitas com cobertura de resina (epóxi ou silicone);
  • Ambientes externos (janelas, corredores, sinalização externa etc): fitas com cobertura de silicone.

Essa cobertura de algumas fitas de LED ajudam a prolongar a durabilidade. Para quem não deseja ter uma cobertura que pode amarelar com o tempo, a opção de silicone pode ser a mais vantajosa.

Confira também: Drywall: dúvidas frequentes e dicas para a instalação!

Conclusão

Nesse conteúdo, vimos o passo a passo de como instalar fita de LED e todos os benefícios dessa escolha para um projeto de iluminação residencial ou comercial.

Como você viu, na prática, a instalação é bastante simples, diferente de outros tipos de instalação elétrica que exigem um conhecimento técnico mais aprofundado.

Contudo, para ter um resultado perfeito, é importante contar também com o auxílio de profissionais.

Se você ainda está estudando as opções de iluminação para o seu projeto arquitetônico, vale a pena considerar o uso de fita de LED, especialmente pelo custo-benefício associado a todas as outras vantagens.

Agora que você já sabe como instalar fita de LED, que tal aprender mais sobre Dimmer e dimerizadores, outra opção muito interessante para o projeto de iluminação. Até a próxima!